O rock’n roll e o motociclismo foram feitos um para o outro e ninguém vai mudar a minha ideia sobre isso. O “metal pesado” na construção das motos e a liberdade que elas nos proporcionam dão match instantâneo com a rebeldia e a contracultura do rock.

Juntar os dois é como pão com manteiga, arroz e feijão ou cerveja e churrasco (muito melhor). Nem sempre colocar uma bela moto num videoclipe vai salvar uma música ruim ou uma boa trilha sonora vai salvar o comercial de uma moto cheia de defeitos. Mas quando a música é boa e a moto também, meu amigo, não tem pra ninguém.

Separei aqui 10 canções que me fazem sentir como se estivesse na estrada novamente, tentei ser o menos óbvio possível aqui, porém clássicos são clássicos e não dá pra simplesmente ignorá-los só porque fizeram sucesso demais.

Segue a lista:

10. Neil Young – Unknown Legend (1992)

Ela era uma “lenda desconhecida” em sua época, mas agora ela roda em , em alguma estrada do deserto, numa Harley-Davidson, com seus longos cabelos loiros ao vento (só um pouquinho clichê).

Sabemos também que ela cresceu numa cidade pequena, manteve suas raízes e agora ela espera por um beijo mágico. Espero que ela já tenha o encontrado porque a música é antiga pra cacete, talvez ela nem consiga mais andar de moto também, vai saber.

9. Creedence Clearwater Revival – Sweet Hitch-Hiker (1971)

“Caronista gentil”: uma realidade impossível hoje, a não ser que você nunca tenha assistido a filmes de terror. O cara oferece carona para uma gata à beira da estrada e ainda convida ela para fazer um som. Vai na fé, doido.

8. Judas Priest – Desert Plains (1981)

Uma poesia (brega e sofrida) do cara que tá levando o amor dele para ela, desde a planície do deserto. Detalhe: o cara faz até um borrachão no final da sua jornada.

7. Meat Loaf – Bat Out Of Hell (1977)

Uma música chamada “morcego saído do inferno” em pleno 2020, me recuso a comentar.

6. Dumpy’s Rusty Bolts – Box Hill Or Bust! (1982)

Esta, nem se você quiser, vai encontrar a letra. Aproveite o som, a música é boa.

5. Jimi Hendrix – Ezy Rider (1971)

MESTRE JIMI HENDRIX. Preciso dizer mais nada.

4. Ram Jam – Black Betty (1977)

Black Betty é durona e está sempre pronta, o cara repete “Bam-ba-Lam” em todas as frases da música e o clipe tem umas harleys da hora.

3. ZZ Top – La Grange (1973)

Se você sabe o que rolava naquela cabana que fica fora da cidade de La Grange, no Texas, me conta. Não descobri até agora.

2. Motörhead – Iron Horse / Born To Lose (1977)

Voar no seu “cavalo de ferro” enquanto se está “ferozmente chapado” não é uma combinação que vá dar muito certo, né? E não deu mesmo. “Morreu prazerosamente”.

1. Steppenwolf – Born To Be Wild (1968)

“Trovão do Heavy Metal”, precisa mais?

Bom, eu sei também que vai ter gente que vai citar uma outra porrada de outras músicas boas sobre motociclismo ou que os inspirem a rodar de moto.

A playlist já tinha o objetivo de não ser extensa, então fique à vontade quem quiser contribuir com sua música favorita para dar rolê em nossa lista colaborativa do Spotify.

E, ah, só para finalizar. Eu nem de longe sou crítico de música, ok?

Forte abraço e deixe nos comentários o que achou da nossa listinha!

0